Disciplina Evolutiva

Definição. A disciplina pode ser definida como a conduta ou o comportamento metódico, regrado e siste­mático da consciência, homem ou mulher, firme, decidida e determinada na convergência de esforços e energias para a realização e/ou manutenção de algo.

Etimologia. A palavra disciplina, vem do mesmo idioma Latim, disciplina, “ação de se instruir, educação; ciência, disciplina; ordem, sistema; princípios de moral”. Apareceu no Século XIV.

Antonímia: 1. Displicência. 2. Desleixo. 3. Inconstância. 4. Desordem. 5. Inobservância.

Abordagem. A disciplina poder ser aplicada de maneira sadia, cosmoética, evolutiva ou patológica, anticos­moética, regressiva. Eis, o contraponto entre 3 maneiras ou abordagens na aplicação da disciplina:

  1. Evolutiva. A disciplina evolutiva, cosmoética, sadia aplicada com a intenção de aperfeiçoar os desempenhos e performances em todas as áreas da vida pessoal.
  2. Punitiva. A disciplina punitiva, flagelativa, anticosmoética comumente encontrada nas abordagens religio­sas ou na religiosidade. As punições pelo pecado de pensar ou se comportar diferente dos dogmas estabelecidos.
  3. Repressiva. A disciplina severa, inflexível, patológica observada nas abordagens militares ou no militarismo. As repressões pela desobediência a deontologia militar instituída.

Exemplos. É imprescindível a autodisciplina evolutiva na manifestação pessoal diária da consciência intrafísica lúcida, intermissiva e interessada na consecução da programação existencial. Eis, 10 exemplos de aplicação da disci­plina evolutiva:

  1. Disciplina da conduta pessoal: o modo de agir, viver.
  2. Disciplina da extroversão: a comunicabilidade sadia; extroversão educada.
  3. Disciplina da preguiça: a vontade; a disponibilidade pessoal.
  4. Disciplina das emoções: o equilíbrio emocional; a pacificação íntima.
  5. Disciplina das energias: o emprego cosmoético, eficiente e assistencial das próprias energias.
  6. Disciplina de hábitos: o aproveitamento útil do tempo.
  7. Disciplina do raciocínio: a autorreflexão produtiva; o discernimento maduro.
  8. Disciplina em relação aos princípios éticos: a sustentação do Código Pessoal de Cosmoética.
  9. Disciplina na autogestão existencial: a autorganização; a gestão inteligente das áreas da vida.
  10. Disciplina quanto a produtividade evolutiva: a execução do que falta aprender, desenvolver e realizar.

Incorruptibilidade. Na escala simples de 1 a 5, como você avalia o seu nível de disciplina evolutiva? A disciplina evolutiva é alcançada através da não concessão aos pensamentos patológicos, pecadilhos mentais e autocorrupções através da vontade e da autocrítica sadia.

Ricardo Rezende
Natural de Uberaba, MG; graduado em Biblioteconomia; voluntário da Conscienciologia desde 2000; docente da Conscienciologia desde 2006; Cognopolitano desde 2006; tenepessista desde 2014.

2017-08-27T11:41:47+00:00 01/02/2015|

Sede da APEX – Foz do Iguaçu
+55 (45) 2102-1499
contato@apexinternacional.org

APEX – Curitiba
+55 (41) 99934-5007
apexcwb@apexinternacional.org

APEX – Porto Alegre
+55 (51) 99974-1115
apexrs@apexinternacional.org